UNICEF (2015)

A PRÁTICA DO CASAMENTO INFANTIL

Diretora: Aline Lello Corsini
Assistentes: Laura Vilela Figueirêdo, Mila Carvalho Bustamante, Pedro Henrique Guimarães Lara

Clique aqui para acessar o blog

Clique aqui para acessar o Guia de Estudos

Clique aqui para acessar o Guia de Regras

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF 2015) simulará a questão da permanência da prática do casamento infantil no século XXI. Serão debatidas as causas deste casamento forçado, suas consequências e os meios para combater essa violação dos direitos humanos das crianças. Esse debate é de essencial importância, pois os índices desse tipo de matrimônio ainda são elevados em muitos países, principalmente em locais que possuem baixos indicadores de desenvolvimento socioeconômico e humano e nos quais as práticas culturais estão fortemente enraizadas dentre a população. Observa-se que o casamento infantil é uma questão de desigualdade de gênero, uma vez que as meninas estão mais vulneráveis a serem vítimas. Alguns Estados, ainda possuem leis que viabilizam tal prática e justificam esta presença como parte da tradição local. A UNICEF, neste contexto, atua buscando proteger os direitos humanos das crianças, para que toda criança tenha a possibilidade de desenvolver-se plenamente.

UNICEF (2015)

Anúncios